sexta-feira, 30 de setembro de 2011

A cor da esperança



"Amanhã, a tristeza vai transformar-se em alegria, e o sol vai brilhar no céu de um novo dia, vamos sair pelas ruas, pelas ruas da cidade, peito aberto, cara ao sol da felicidade. E no canto de amor assim, sempre vão surgir em mim, novas fantasias, sinto vibrando no ar, e sei que não é vã, a cor da esperança. A esperança do amanhã."
(Cartola)

Nenhum comentário:

Postar um comentário