quinta-feira, 5 de abril de 2012

Sentimentos conflitantes


- Estou sendo enganada!
- Por quem?
- Por mim mesma!
- Como assim?
- Queria não me importar com ele, mas fico igual a uma idiota dando chances pra ele me fazer de boba. Queria largar ele, esquecer que um dia cruzou minha vida, quando na verdade algo aqui dentro de mim diz assim “vai, dá nova chance!” “agora vai ser diferente” e mais outras coisas que eu nem sei de onde saem. Razão e emoção dizendo coisas totalmente distintas.
- Sei como é!
- Sabe?
- Sei!
- Como assim?
- Eu te amo, mas estou aqui a te aconselhar. Queria te beijar neste exato momento e assim tentar minimizar o que sente, por outro lado se isso fizer quem sairá magoado serei eu. Por isso, esperarei pacientemente o dia em que teremos uma conversa não sobre outra pessoa, mas sobre nós dois.
(silêncio)

Nenhum comentário:

Postar um comentário