sábado, 19 de abril de 2014

Quando existe um amor verdadeiro...

Qualquer amor que nos dê mais amor no lugar de reclamações e queixas nos deixa um sentimento de estranheza. Porque não reclamar nas horas em que não ligo, não pareço me preocupar, não converso? Porque dar mais amor e me procurar antes de ser procurado, falar comigo antes que meus dedos disquem o seu número ou perdoar-me antes de pedir desculpa? Existe só um amor assim. Aquele que é paciente, que é benigno, que não vê o mal e se alegra com a alegria do outro.
É difícil entender um amor que não aguarda retribuições, que não levanta queixas, mas melhor ainda é saber que além de senti-lo, esse amor existe...

Nenhum comentário:

Postar um comentário