sexta-feira, 15 de julho de 2016

Decisão

Disseram-me ainda muito pequeno que a vida é feita de decisões e elas qualificam aquilo que você é ou vai vir tornar a ser. De qualquer forma eu não estaria isento delas. Uma hora teria que decidir o que comer ou vestir, qual profissão seguir, o que deveria fazer ou deixar de fazer. Decisão. Três sílabas, sete palavras e uma confusão em minha mente. Colocar linhas de chegada, uma após outra ou me lançar nos braços do vazio? Na primeira tenho a opção de me encarcerar dentro de mim, já na segunda de me aventurar rumo ao desconhecido. Jogar a precaução de lado e subir o montanha para ver o sol se pôr ou deixar de ver este espetáculo natural? Eis a questão. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário