domingo, 16 de fevereiro de 2014

O cochilo do Gigante

Se Hobsbawn estivesse vivo, hoje ele escreveria um livro com o título "A Era do Retrocesso", pois é, ela chegou e tem um número: século XXI. Se a sociedade evoluiu em muitas coisas em outras ela involuiu, nas relações humanas, por exemplo, que vive pautada na ganância e no dinheiro. Pois bem, hoje vislumbramos um cenário mundial grotesco e um local mais aterrorizante ainda.
Podemos assim dizer, que os nossos direitos como cidadãos (digo aqui cidadãos brasileiros) nunca foram respeitados. Economiza-se em bens simples e de uma grande importância para a sociedade: saúde e educação. Filas imensas em hospitais sem remédios e sem médicos, escolas sucateadas, profissionais desestimulados. E de quem é o problema? Nosso com toda certeza. Calamo-nos com qualquer Bolsa Família ou com qualquer aumento no salário mínimo, esperando que um dia os problemas sejam resolvidos magicamente ou que algum 'Jesus' apareça para expulsar os mercadores dos templos. E haja Jesus para tanto milagre, afinal de contas, são inúmeros, milhares de templo de vícios e ganância pelo nosso país que são nomeados de prefeituras e dizem representar o povo. Como representar-nos? Afinal queremos falta de dignidade para a pessoa humana? Ou adoramos encher os bolsos do setor privado que é tão convalescente quanto o público, mas que ao menos nos dá uma centelha de dignidade. Até quando seremos essa nação fragmentada em guetos e desunida que não sabe nem ao menos honrar o direito dado que é o voto?
 Até quando nos calaremos por favorecimentos particulares em detrimento do que é público, social e comum a todos. Não temos as melhores leis, é bem verdade, mas todos os dias sambamos com pés sujos na Constituição que foi cunhada depois de muito suor, sangue e lutas, quando aceitamos nos corromper por apenas 30 moedas de prata. Quanto tempo durará a soneca do Gigante que acordou há meses, mas que acha que dormir é melhor? Não sei. Hobsbawn com certeza escreveria o livro que mencionei acima, mas em meio a tanta sujeira estaria de estômago embrulhado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário