domingo, 8 de fevereiro de 2015

Promessas


Um dia, com uma música antiga de Leoni, eu lhe disse que esperaria todas as tempestades de sua vida atribulada passar e que quando você descobrisse o que queria eu ali estaria, dizendo não para o que acreditei até o exato momento, no tocante de cumprir a promessa feita outrora. Passado tantos anos me pego refazendo sozinho os mesmos votos, esperando que em um momento qualquer os nossos olhos voltem a se querer, as nossas frases voltem a se completar, as músicas passem a ser nossas e não de seus respectivos artistas. Sim, eu ainda acredito em nós. Acredito em nossa predestinação espiritual de estar juntos pelas vidas que existirão depois dessa, e eu digo novamente, eu espero. O amor tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário