sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Saudade e amor


"A saudade é benéfica ao amor. Distantes, os amantes mensuram o tamanho do bem-querer. Medida que se descobre nos desconcertos da ausência, no engasgo constante da recordação, recurso que faz voltar no tempo, engana as horas, aproxima as peles, diminui as estradas, ancora navios, pousa aviões, faz chegar os ausentes."



Extraído do livro Mulheres de aço e de flores, Pe. Fábio de Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário