sábado, 13 de abril de 2013

Encontrei quando não quis mais procurar...



Te conhecer foi um presente caprichado de Deus. Sem ao menos saber o seu segundo nome, você conseguiu ocupar um lugar que até hoje poucos conseguiram. As conversas, os conselhos, as experiências de vida, os problemas, tudo fora compartilhado de maneira que nenhum carregasse o fardo sozinho. Tão pouco tempo, tão pouca vivência, mas tanta afinidade. E de tanta afinidade, a descoberta que era bem mais que bem querer. Era um querer bem... Bem perto, bem constante, bem juntinho, bem intenso. E de tanta intensidade, surgiu aquele sentimento bonito que todo mundo procura, e que sem querer eu acabei encontrando em você.

Nina Ramos

Nenhum comentário:

Postar um comentário