terça-feira, 16 de julho de 2013

Hipócritas dirão que enlouqueci


Corram de gente que ama todo mundo! Toda pessoa no mundo tem que ter alguém pra odiar, senão não é vida! Como se vive sem ter alguém pra colocar apelidos, caçoar e falar mal? Hipócritas se agitarão nas cadeiras diante de seus computadores e nervosos lerão esse texto condenando-me por dizer uma verdade que todos já estão cansados de saber: NÃO HÁ COMO AMAR A TODOS ou NENHUM DE NÓS VALE MUITA COISA!
Somos humanos, vivemos do mesquinho, do politicamente incorreto, da podridão e assim somos felizes, simples assim como nos diria alguma criança da propaganda da Oi. Uma pessoa que senta na frente da TV no domingo e se põe a rir das vídeo-cassetadas do Faustão, presta? NÃO! Rir da desgraça e da derrota alheia faz com que nos tornemos imensamente satisfeitos, numa situação sado masoquista, uma vez que sabemos que o nosso riso é passageiro e alguém um dia rirá de nós, mas assim que a vida segue, rindo dos outros e a vida rindo de todos nós.

Um comentário: